Ads 468x60px

Multiplayer sangrento em novo God of War


O primeiro “God of War” apresentou ao mundo o soturno e forte herói Kratos em 2005. Os combos fluidos, chefes empolgantes, o enredo baseado na mitologia grega e sua cara de poucos amigos garantiram uma franquia que vendeu mais de 20 milhões de cópias em seis jogos.
"God of War: Ascension", anunciado em abril deste ano, será o primeiro título da franquia com um modo multijogador. O game, exclusivo para PlayStation 3, será lançado em 12 de março de 2013 nos EUA e no Brasil - traduzido para o português.
A versão beta do modo multiplayer conta apenas com a introdução e duas fases, cada uma em uma modalidade de multiplayer. A Sony promete elementos de história na edição final.

Briga com elementos de RPG
O jogador começa o multiplayer com um breve tutorial, que ensina (ou relembra) os comandos básicos do mal-encarado. Para avançar, escolhe entre quatro deuses, que conferem habilidades distintas - Ares, por exemplo, dá bônus para ataques de fogo e corpo-a-corpo e Zeus, claro, potencializa ataques com trovão.
É possível trocar de deuses entre as partidas, mas cada deidade representa um perfil do personagem com nível de experiência próprio - níveis mais altos desbloqueiam equipamentos e habilidades mais avançados.
Peças liberadas nos níves posteriores são superiores às iniciais em todos os atributos. Isso pode complicar a vida de iniciantes que jogarem com veteranos se o jogo não nivelar as partidas.
A ação é rápida, pedindo muitas esquivas, e ficar com vida baixa é garantia de ver adversários atravessando a tela sedentos por pontos.

Golpe após golpe, o sangue jorra livremente pelo campo de batalha. Ao agarrar o oponente quando ele está com vida baixa, o personagem executa uma morte brutal, que resulta em ainda mais sangue e vísceras.
A estrutura de combos se mantém com os golpes fracos e fortes, mas está simplificada, com menos combinações do que nos jogos anteriores. Há também três ataques especiais, que são recarregados com o tempo, além de magias.


Sangue na Grécia
A fase 'Fórum de Hércules', uma pequena arena circular, não tem segredo: são quatro personagens se digladiando, cada um por si, e ganha quem acumular mais pontos. O mitológico Hércules está presente no fundo e ocasionalmente bate no chão, enviando ondas de choque por todo o cenário.

'Deserto das Almas Perdidas' é maior, comporta oito jogadores e é mais interessante: a fase tem dois andares, teletransporte, armadilhas de espinhos e de fogo.
No modo 'Execução', há dois times de quatro. O grupo que representa Esparta precisa dominar pontos do cenário para libertar um ciclope gigante que está preso, enquanto que os troianos precisam matá-lo - o que acontece sem os minigames característicos da série, infelizmente.

Português
A versão já está legendada e dublada em português, seguindo uma tendência positiva de títulos de peso lançados aqui traduzidos, como “Assassin’s Creed III”, “Black Ops 2”, “Halo 4” e “League of legends”. Abaixo confira o trailer do Modo multiplayer do game:

Fonta: http://g1.globo.com/tecnologia/games/

Nenhum comentário:

Publicidade

Acompanhe-nos por e-mail